Blog

Free Tour – Visita ao pontos turísticos de Santiago de Graça!

  |   América do Sul, Chile, Destaque   |   No comment
Tantiago possui várias atrações e para muitas pessoas, montar um roteiro pode ser uma tarefa bastante árdua. Em qual museu vou primeiro? Qual o melhor caminho? Contrato um guia? São só algumas das perguntas para aqueles que querem aproveitar ao máximo do tempo que desfrutam na cidade.

O que poucas pessoas sabem é que existe um serviço gratuito de guias para visitar pontos turísticos de Santiago disponível todos os dias no centro da cidade. O projeto é uma iniciativa privada, que se sustenta por meio de doações. Ao final do tour você paga quanto achar que deve, se não gostou, o que é bastante improvável, não paga nada.

Sempre é bom criar o nosso próprio roteiro, com os lugares que mais nos identificarmos. Entretanto, a presença de um bom guia pode abrir seus olhos para detalhes imperceptíveis até para o mais atento viajante. Inscrições em prédios públicos, restaurantes “secretos”, aquele lugar que não está em qualquer revista de viagens e que nem todo mundo tem orgulho de mostrar. Mesmo os pontos turísticos de Santiago mais famosos escondem histórias que você não encontraria com facilidade

Como Funciona o Free Tour?

Com a proposta de resolver essas questões e mostrar a todos a “Verdadeira Santiago”, o pessoal da Free Tour organiza passeios que cobrem grande parte dos pontos turísticos de Santiago e outras atrações que não estão nos panfletos para turistas.

O ponto de encontro fica na Plaza de Armas em frente a Catedral de Santiago. Basta procurar as pessoas com uma camiseta vermelha com um “Free Tour” escrito ou segurando um totem. Não precisa agendar com antecedência. É só aparecer no horário estipulado!

Todo o trajeto é feito a pé e dura aproximadamente 4 horas, passando pelos principais pontos turísticos de Santiago. Não se preocupe com o cansaço. O passeio é indicado para qualquer pessoa e o ritmo é bastante tranquilo. Existem várias paradas para comer lanche e inclusive para almoçar.

O que visitar no Free Tour de Santiago

O tour passa por diversos lugares. Alguns, geralmente com entrada fraca, recebem maior atenção por parte dos guias que nos contam até os menores detalhes. Outros deles, que não deixam de ser importantes, são apenas indicados e devem ser levados em conta para uma visita independente em outro momento. O destaque mesmo vai para o que eles chamam de “Verdadeira Santiago”. Traços da cultura da população que não estão nos livros de história.

Começando pelo mote con huesillus, bebida a base água caramelada, trigo e pêssego. Uma novidade para nós, mas comum feito um guaraná para os chilenos. Vale a pena também observar cada canto do Bairro Lastarria, um reduto cultural de artistas e escritores, cercado de bons restaurantes, um deles com um cardápio exclusivo, bastante acessível para os participantes do free tour. Além cafés que são perfeitos acompanhados de um fim de tarde.

Falando em cafés, durante o tour somos apresentados aos famosos Cafe con Piernas. Com suas “baristas” de vestido curto e seus balcões vazados, esse sim um dos pontos turísticos de Santiago reconhecido internacionalmente.  Descobrimos ainda que aquelas portinhas estreitas, seguidas por janelas espelhadas que estão por toda cidade são uma versão “advanced” onde as roupas são substituídas por bikinis, a iluminação é baixa e o som alto.

E foi na La Chascona, uma das casas de Pablo Neruda,  o ponto final da visita guiada. Essas são apenas algumas das diversas curiosidades que o Free Tour oferece aos participantes. Mesmo se você já visitou os pontos turísticos, vale a pena pela aula de história. Uma ótima maneira de aproveitar parte do dia, principalmente para os que não dispõem de muito tempo na cidade.

Mais Informações

Free Tour em Santiago – site oficial

Você costuma contratar guías ou faz tudo por conta própria? Conta pra gente nos comentários!

CLOSE